Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for Dezembro, 2009

Nestes tempos de futebol globalizado é cada vez mais difícil encontrar grandes jogadores ainda desconhecidos do grande público europeu, todavia, ainda existem excepções.

Jackson Martínez, avançado colombiano de 23 anos é um desses exemplos. Trata-se de um goleador do Independente de Medellin, que faz do golo a sua vida e que demonstra ter potencial para jogar no futebol europeu muito rapidamente. Não sendo um prodígio de técnica, remata bem com os dois pés, tem um jogo de cabeça muito bom e tem nele algo que faz lembrar Mário Jardel, a capacidade de fugir ao fora de jogo e um posicionamento extraordinário.

Com três golos em quatro internacionalizações pela Colômbia, não vai demorar muito tempo até este avançado ser contratado por um clube europeu, assim sendo, e porque acredito que seria um excelente reforço para um clube português, deixo-vos um video para melhor conhecerem Jackson Martínez.

Read Full Post »

No início da época 2007-08, chegava aquele que estava talhado para ser o substituto de Ricardo na baliza do Sporting: Stojkovic.
Começou a época com uma mistura de exibições geniais (recordo-me de um Dínamo Kiev-Sporting em que foi absolutamente fantástico) e alguns “frangos” comprometedores, situações normais num “keeper” jovem como era o caso de Stoj, todavia, conquistou rapidamente os adeptos que gostavam do seu estilo corajoso e aguerrido.
Ainda assim, um “erro” do sérvio na sequência de um pseudo-atraso de Polga num célebre FC Porto-Sporting, haveria de lhe custar a titularidade, situação que, por certo, poucos sportinguistas entenderam, até porque, posteriormente, repararam que Rui Patrício era protegido jornada após jornada dos erros que fazia (e que não eram poucos…).
A partir desse pseudo-atraso, Stojkovic foi completamente colocado de parte no Sporting, relegado para a humilhante posição de 4º guarda-redes e corrido do clube, sempre que possível, em empréstimos para outras equipas.
Muito se especulou do que realmente aconteceu: Agressão a Paulo Bento?, Agressão a Pedro Barbosa?, Invasão da SAD (olá Argel)?, mas nunca houve uma explicação nem do clube, nem do anterior treinador, perante a colocação do Sérvio como 4º guarda-redes, que não fosse a mera opção técnica.
Óbviamente que ninguém no seu perfeito juízo acha que Stoj é inferior a Tiago ou a Ricardo Baptista e, assim, todos sabemos que algo de grave se passou, principalmente porque Carvalhal chegou ao SCP a dizer que contava com ele e, devagarinho, foi se percebendo que a situação do guarda-redes não se iria alterar, culminando hoje num suposto empréstimo aos ingleses do Wigan.
Estranha-me, contudo, a relativa passividade como os sportinguistas vêem o seu melhor guarda-redes, titular da mundialista Sérvia, partir, mas a verdade vem sempre ao de cima, custe o que custar.

Read Full Post »

Às vezes temos de ir longe para voltarmos a ser o que em tempos fomos. Nunca devemos desistir dos nossos sonhos e devemos sempre acreditar em nós e na nossa força interior…
Ariza Makukula é um desses jogadores e, na Turquia, no Kayserispor, prova, jornada a jornada, que merece uma oportunidade na Selecção, afinal, esta época, nenhum português marca como ele…

Read Full Post »

As equipas portuguesas, por certo, não se podem queixar do sorteio da passada sexta-feira.

O FC Porto, por exemplo, apanhou o Arsenal nos oitavos de final da Liga dos Campeões. Trata-se, sem sombra de dúvida, de uma excelente equipa, todavia, seria das equipas mais acessíveis (se é que se pode chamar isso…) presentes no sorteio a par de Sevilha e Bordéus. Treinada por Wenger há mais de uma década, tem excelentes jogadores como o impresível Van Persie e o cerebral Nasri, todavia, o seu estilo de jogo extremamente ofensivo e aberto, bem ao estilo inglês, pode encaixar bem numa equipa matreira e que explora bem o contra-ataque como os azuis e brancos. Assim sendo e num plano meramente estatístico penso que o FC Porto tem 40% de hipóteses de seguir em frente…

Ao Benfica saiu, sem qualquer dúvida, o brinde do sorteio da Liga Europa: Hertha Berlim. Os germânicos são uma equipa muito fraquinha e que tem sido o bombo da festa da Bundesliga (esta semana levaram 5-2 do Bayern…). Apurados no grupo mais fraco da Liga Europa, a equipa alemã defende muito mal e tem poucos pontos de interesse. Ainda assim, atenção ao avançado Ramos e à nova aquisição Gekas. Contudo, e tendo em conta que os berlinenses estão no último lugar da Liga Alemã, é provável que os mesmos nem apostem forte na Liga Europa. Como tal, penso que os encarnados têm 85% de hipóteses de seguir em frente e esse valor é apenas porque os alemães nunca são de se fiar…

Por fim, o Sporting apanhou o Everton. Os Toffes não são propriamente um colosso do futebol mundial (0-2, 0-5 com o Benfica provam isso…), mas a má forma dos leões pode tornar este jogo mais equilibrado do que seria esperado. Apoiados no belo médio Fellaini e com bons jogadores no ataque como Bilyaletdinov e Saha, o Everton pode ser um osso duro de roer, porém tudo dependerá de como os verde e brancos evoluirem até Fevereiro e de como souberem explorar as debilidades defensivas dos azuis de Liverpool. No estado actual das duas equipas, avanço com 50-50% de possibilidades, mas, se o Sporting melhorar, acredito que seja ligeiramente favorito (55-45%).

Nota: Parabéns Rúben Micael pelos sete golos na Liga Europa e pela classe que espalhaste por Viena, Bilbau e Bremen. Provaste que os grandes, muitas vezes, deviam olhar mais para dentro e menos para fora.

Read Full Post »

Durante o visionamento do clássico: Benfica – FC Porto, recuei cerca de sete anos no tempo e recordei a época 2002-2003. Nessa temporada, o FC Porto de Mourinho era conhecido como o rolo compressor e esmagava os seus adversários, apoiando-se, basicamente, num dos princípios básicos do futebol moderno: A pressão alta…
Sete anos depois, o Benfica de Jesus (que curiosamente tem, globalmente, uma equipa superior a essa de Mourinho) vive dos mesmos princípios, pois pressiona a todo o campo o portador da bola, sufocando o adversário e impedindo-o de pensar o jogo.
A primeira parte do desafio foi exemplo claro disso, pois, ao contrário do que disseram muitos meios de comunicação social, não foi o FC Porto que entrou receoso e a jogar para o empate, mas, ao invés, o Benfica que, a jogar muito compacto, pressionante e com a raça incutida por esse grande treinador que é Jorge Jesus, anulou por completo todas as tentativas portistas de jogo ofensivo.
Óbviamente que o eclipse de Hulk (Jogador que raramente funciona nos grandes jogos) ajudou aos propósitos encarnados, mas é incontestável que o Benfica é, neste momento, a melhor equipa portuguesa e mesmo desfalcada de jogadores do calibre de Aimar e Di Maria, conseguiu provar que tem um plantel de qualidade e, mesmo os jogadores fraquinhos (olá Luís Filipe) conseguem, naquela cultura de jogo, entrar e disfarçar as suas debilidades.
Destaco, também, a capacidade de sofrimento dos encarnados em alguns momentos do jogo (nomeadamente o primeiros 20 minutos da segunda-parte, devido à entrada de Varela) e à forma como, no final do jogo, os encarnados conseguiram controlar o jogo longe da sua baliza, algo que não é nada usual nas equipas portuguesas.
Assim sendo, vitória justíssima do Benfica que se assume como o principal candidato ao título esta época.

Notas:

Raúl Meireles está a fazer uma época deplorável, quando é que J. Ferreira percebe que tem de colocar Guarín ou Valeri no seu lugar e avançar Belluschi para a posição 10?
 
Varela merece a titularidade no FC Porto, sendo que Hulk, principalmente neste tipo de encontros, tem de começar no banco…

Javi García é o melhor trinco do futebol português… A forma como destruiu o meio campo do FC Porto e encheu o relvado foi absolutamente genial.

Senhor árbitro aquele penalti do Rodriguez é um daqueles lances que nos faz duvidar da arbitragem lusa, mais cuidado por favor!

Read Full Post »

Prefácio

Neste blog irei apresentar uma visão do futebol que fuja aos clichés existentes. Prometo que aqui irão ter sempre uma visão única e completamente ponderada do desporto-rei, esperando, sinceramente que vos faça sempre pensar mais além.
Analisarei equipas, jogadores, jogos e esquemas tácticos, sempre com rigor e com vontade de passar-vos aquele que é o meu conhecimento deste desporto que tanto amamos. Espero que gostem…

Bem-vindos

Read Full Post »