Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘Cristiano Piccini’

Piccini

Piccini é reforço do Sporting para 2017/18

Depois do defesa-central André Pinto (ex-Sp. Braga), surgiu a oficialização do segundo reforço do Sporting para 2017/18, tratando-se este do internacional sub-21 italiano, Cristiano Piccini, lateral-direito que vinha evoluindo no país vizinho, mais concretamente no Betis.

Nascido a 26 de Setembro de 1992 em Florença, Itália, Cristiano Piccini iniciou o seu percurso futebolístico ao serviço do modesto Sporting Arno, ainda que tenha chegado à bem mais emblemática Fiorentina com apenas dez anos de idade.

No clube toscano, o lateral-direito haveria de concluir o seu processo formativo, chegando inclusivamente a estrear-se na Serie A em 2010/11, com apenas 18 anos, quando foi suplente utilizado numa vitória diante do Cagliari (1-0).

Vários empréstimos em Itália

Muito jovem, foi sem surpresa que Cristiano Piccini não encontrou espaço na Fiorentina, tendo naturalmente iniciado um périplo de cedências por outros clubes italianos, claramente mais modestos.

Ainda assim, há que destacar que o lateral-direito foi sempre subindo um degrau evolutivo à passagem de cada temporada, surgindo em 2011/12 na Lega Pro (terceiro escalão), ao serviço do Carrarrese (32 jogos, um golo), isto antes de saltar para o Spezia (Serie B) na época seguinte, onde fez 30 jogos.

Em 2013/14, deu-se enfim o regresso ao principal escalão do futebol italiano, desta feita num empréstimo ao modesto Livorno, clube onde Cristiano Piccini haveria de somar 21 jogos, numa campanha que redundaria num último lugar na Série A e na natural descida de divisão.

Três anos na Andaluzia

Continuando a não contar para a Fiorentina, o jovem futebolista toscano haveria de aproveitar o Verão de 2014 para mudar não só de clube como de país, rumando a Espanha e ao Bétis, novamente por empréstimo do conjunto “viola”.

Na Andaluzia, a sua primeira temporada seria marcada por variadas lesões, situação que levou o lateral-direito a fazer apenas 15 jogos oficiais numa época que haveria de redundar na conquista da Segunda Liga espanhola por parte do Betis e no consequente regresso ao principal escalão.

Aí, Cristiano Piccini haveria de somar 39 jogos entre 2015 e 2017, sendo ainda necessário acrescentes mais quatro jogos para a Taça do Rei. Estes números, contudo, podiam ser muito melhores, não fosse o italiano ter sofrido mais um conjunto de lesões, sendo a mais grave a sofrida a 16 de Janeiro de 2016, quando fez uma rotura de ligamentos no joelho direito, maleita que o afastou dos relvados por seis meses.

Superior a Schelotto

É certo que Cristiano Piccini termina esta sua passagem por Sevilha sob um coro de críticas dos adeptos do Betis e, inclusivamente, como suplente do jovem Rafa Navarro, mas a verdade é que o italiano chegou a ter a cotação bastante em alta no país vizinho.

Aliás, basta pensar que, apesar de ter feito apenas 15 jogos oficiais em 2014/15, isso não impediu que o Betis tenha avançado para a sua aquisição definitiva por 1,5 milhões de euros, numa prova clara de que o lateral-direito mostrou imediatas qualidades nos (poucos) jogos que fez na sempre difícil Segunda Liga espanhola.

As lesões, afinal, têm sido o maior travão à ascensão de um futebolista que é muito forte no processo ofensivo, fruto da sua rapidez e boa qualidade técnica, talentos que permitem que seja forte no um contra um, competente a cruzar e dê bastante profundidade pelo seu flanco.

Defensivamente, e ainda que seja claramente superior ao seu futuro colega Schelotto, é certo que o jovem de 24 anos ainda terá que evoluir um pouco, uma vez que comete por vezes graves erros posicionais, algo que lhe causou alguns dissabores no Betis e que inclusivamente foram fulcrais para a sua queda de graça entre a afición verdiblanca.

Read Full Post »