Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘Florinel Coman’

Coman

Coman é uma grande promessa romena

O campeonato romeno conheceu esta temporada um surpreendente campeão, mais concretamente o Viitorul Constanta, emblema cujo dono e treinador é o mítico ex-internacional romeno Gheorghe Hagi

Apenas fundado em 2009, o emblema que vem vivendo uma ascensão verdadeiramente meteórica começa não só a amealhar troféus como também a revelar grandes talentos, sendo talvez o avançado Florinel Coman talvez o mais cintilante de todos.

Em declarações ao jornal “A Bola”, que colocou hoje Coman no caminho do Benfica, Hagi comparou o jovem de 19 anos ao francês Mbappé, sublinhando que a única diferença entre o romeno e o futebolista do Mónaco é que ao seu atleta “ninguém no estrangeiro o conhece”.

Lapidado na Academia de Hagi

Florinel Teodor Coman nasceu a 10 de Abril de 1998 em Brăila, Roménia, tendo actuado nas camadas jovens do modesto Luceafărul Brăila, passando em 2011 para a Academia Gheorghe Hagi, emblema que serve como viveiro de talentos do Viitorul Constanta.

Pela equipa sénior do Viitorul, aliás, haveria de estrear-se no campeonato romeno logo em 2014/15, num duelo diante do Astra Giurgiu, e isto apenas oito dias após completar 17 anos de idade.

A explosão, contudo, surgiria na actual temporada, campanha onde Florinel Coman foi um dos destaques do surpreendente campeão romeno, ou não tivesse somado seis golos e sete assistências em 28 jogos, números que, aos 19 anos, terão chamado à atenção do Benfica, clube que se terá antecipado a forte concorrência para assegurar o talentoso atleta.

Um diamante por lapidar

A qualidade e, acima de tudo, enorme potencial de Florinel Coman é algo indiscutível, e mesmo que a colagem que Hagi fez entre o romeno e Mbappé possa ser um pouco exagerada nesta fase, até porque não se pode comparar a Liga Romena à Ligue 1, a verdade é que podemos estar perante um excelente investimento do Benfica.

O internacional sub-19 romeno é preferencialmente um extremo-esquerdo, que joga com o pé direito, situação que lhe permite ser fortíssimo nas diagonais para a zona central, movimentação em que é especialmente perigoso, fruto da sua velocidade, apuradíssima técnica individual, capacidade física e bom remate de longa distância.

Certo é que apesar de estar especialmente talhado para essa função de falso extremo-esquerdo, a verdade é que Coman pode oferecer polivalência a Rui Vitória, uma vez que também pode actuar nesse mesmo flanco como um ala/extremo de perfil mais puro, assim como actuar do lado direito ou inclusivamente a segundo avançado.

Inegável, contudo, é que o jovem de 19 anos dificilmente será um futebolista para ter um impacto imediato na equipa sénior do Benfica, até porque as exigências que vai encontrar em Portugal serão muito maiores do que as que encontrava na Roménia. De qualquer maneira, se for bem trabalhado pelos encarnados, e se cumprir com todo o seu potencial, poderemos estar perante uma excelente mais-valia para o médio-prazo.

Anúncios

Read Full Post »