Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘Malouda’

A França está habituada ao oito e ao oitenta em mundiais de futebol. Campeã do Mundo em 1998 e vice-campeã em 2006, ficou pela fase de grupos em 2002 e nem se qualificou em 1990 e 1994, sendo sempre complicado vaticinar seja o que for para os “bleus”. Na ressaca do abandono de Zidane, os gauleses têm tido alguma dificuldade em encontrar um rumo para o seu futebol e tanto o Euro 2008 (eliminados na primeira fase) como o apuramento para o Mundial 2010 (necessitaram de playoff e de um mãozinha de Henry…) são exemplos disso. No entanto, com jogadores como Ribery , Henry, Gourcuff ou Evra, a França tem matéria prima suficiente para fazer um bom campeonato do mundo e, quiçá, ser um “outsider” na luta pelo título.

A Qualificação

Inserida no Grupo 7 de qualificação, a França defrontou Sérvia, Áustria, Lituânia, Roménia e Ilhas Faroé. Favoritos ao primeiro lugar, os gauleses começaram muito mal o agrupamento, pois, no primeiro jogo, perderam na Áustria (1-3).

Este resultado condicionou os franceses que, apesar de se terem apurado para o playoff fizeram uma fase de qualificação muito modesta. Vitórias magras sobre países como a Lituânia (1-0 por duas vezes) e Ilhas Faroé (1-0) e a incapacidade de vencerem a Roménia (2-2 e 1-1) são exemplos do percurso difícil dos gauleses.

Assim sendo, os franceses acabaram no segundo lugar, a um ponto da Sérvia, e tiveram que disputar um playoff, diante da República da Irlanda, para disputarem o Mundial.

Esse duelo decisivo começou muito bem para os gauleses que, na Irlanda, venceram por uma bola a zero, graças a um golo de Anelka. Todavia, no segundo jogo, Robbie Keane igualou a eliminatória e levou o jogo a prolongamento. No tempo extra, com o desafio equilibrado, Henry, na área adversária, ajeitou a bola com a mão e serviu Gallas para este colocar a França no Mundial.

Grupo 7 – Classificação

  1. Sérvia 22 pts
  2. França 21 pts
  3. Áustria 14 pts
  4. Lituânia 12 pts
  5. Roménia 12 pts
  6. Ilhas Faroé 4 pts

Playoff

República da Irlanda 0-1 França / França 1-1 (a.p.) República da Irlanda

O que vale a selecção francesa?

A equipa gaulesa conta com algumas das grandes estrelas do futebol actual e será, certamente, uma das melhores equipas, em termos teóricos, do Mundial 2010.

A equipa tem uma defesa experiente e segura com destaque para o seu lateral esquerdo (Evra) que sobe muito bem no terreno e participa bastante na construção ofensiva.

Depois, na dupla do miolo, reside uma dúvida. Se, após o impedimento de Lass Diara, Diaby é certo como trinco, resta saber se Domenech opta por Toulalan, um médio que garante maior segurança defensiva, mas tira criatividade ao futebol gaulês ou se, ao invés, opta por Gourcuff. O médio do Bordéus garante maior fluidez ofensiva, todavia, pode criar dificuldades na recuperação de bolas e na transição ataque-defesa.

No ataque, os franceses têm a jovem promessa Gignac, mas devem jogar com Henry e Anelka, dois atacantes que, apesar de já serem trintões, continuam a mostrar qualidades que fazem deles jogadores de eleição. Depois, nas alas, Malouda e, acima de tudo, a grande estrela francesa: Franck Ribery são garantias de futebol rápido e criativo.

Domenech poderá, ainda, optar por retirar Henry ou Anelka e jogar em 4-3-3 com Diaby, Toulalan e Gourcuff em simultâneo no meio campo. Uma estratégia mais equilibrada e provavelmente ideal para adversários mais poderosos.

Integrada no Grupo A com México, Uruguai e África do Sul, os franceses, pela qualidade da sua selecção, são os grandes favoritos para conquistarem o primeiro lugar. Ainda assim, Domenech terá de trabalhar bastante o jogo colectivo dos gauleses para impedir que sejam uma equipa de repelões individuais (como na qualificação), tornando-se, ao invés, numa equipa no real sentido da palavra. Só assim poderá lutar pelo título mundial.

O Onze Base

Os blues deverão jogar com Lloris (Lyon) na baliza; um quarteto defensivo composto por Evra (M. United) à esquerda, Sagna (Arsenal) à direita e a dupla de centrais: Gallas (Arsenal) e Abidal (Barcelona); no centro do meio campo deverão jogar Diaby (Arsenal) e Toulalan (Lyon); na ala esquerda deverá aparecer Malouda (Chelsea), à direita Ribery (Bayern); enquanto na frente de ataque deverão jogar Henry (Barcelona) e Anelka (Chelsea)

Classificação – Previsão “A Outra Visão”

Apesar de ter feito uma fase de qualificação muito irregular, a França é a grande favorita à vitória no Grupo A do campeonato do mundo, pois tem, de longe, melhor leque de jogadores que os seus adversários. Ainda assim, é bom que não entrem em campo convencidos de que o apuramento é certo porque, se isso acontecer, poderão, tal como em 2002, regressar precocemente a casa.

Calendário – Grupo A (Mundial 2010)

  •  11 de Junho – França vs Uruguai
  • 17 de Junho – França vs México
  • 22 de Junho – França vs África do Sul

 

Anúncios

Read Full Post »

A quatro jornadas do final da Série A e depois de terem vencido o grande derbi com a Lázio, os romanos dificilmente esperavam que a Sampdória fosse causar qualquer tipo de mossa no Olímpico de Roma. No entanto, dois golos de Pazzini gelaram a Roma e garantiram uma vitória da Samp em pleno Olímpico (2-1). Este resultado, aliado à vitória do Inter, em casa, diante da Atalanta (3-1), significou o regresso à liderança da equipa de Mourinho; Por outro lado, em Espanha, o Barça venceu, em casa, o Xerez (3-1) e manteve o ponto de liderança sobre o Real Madrid, que venceu em Saragoça (2-1); Situação similar aconteceu na Premier League, com o Chelsea a manter, também, um ponto de avanço sobre o Manchester United, após golear o Stoke City por sete bolas a zero.

Liga Italiana – Inter regressa ao topo da Série A

Após ter chegado à liderança da Série A e com o Inter ainda envolvido na Liga dos Campeões, pensou-se que a equipa romana tinha tudo para conquistar o título. Esta jornada a Roma recebia a Sampdória e o jogo até começou da melhor maneira, pois, ainda na primeira parte, Totti colocou a equipa da capital italiana na frente do marcador. Contudo, na segunda metade, a Roma adormeceu e Pazzini, com dois golos, deu a volta ao marcador, garantindo a vitória da Samp por 2-1. Quem aproveitou o deslize dos pupilos de Ranieri foi o Inter que, em casa, venceu a Atalanta por 3-1. Um jogo tranquilo da equipa de Mourinho, que até esteve a perder, mas rapidamente deu a volta ao jogo com golos de Milito, Muntari e Chivu. Neste momento, o Internazionale lidera o campeonato com mais dois pontos que a agora segunda, AS Roma.

Liga Espanhola – Barça mantém vantagem sobre Real Madrid

O Barcelona defrontava, no Nou Camp, o último classificado da La Liga e, como tal, ninguém esperava outro resultado que não a vitória dos catalães. Ainda assim, apesar de ter vencido por 3-1, o Barça encontrou um adversário duro e que complicou a vida aos pupilos de Guardiola por grande parte do desafio. Os catalães entraram bem e rapidamente chegaram ao 2-0 com golos de Jeffren e Henry, mas Bermejo reduziu para o Xerez, intranquilizando um pouco o Barça, que só descansou com o terceiro golo, marcado por Zlatan, aos 56 minutos. Este resultado permitiu ao Barcelona manter a vantagem de um ponto sobre o Real Madrid, que, numa deslocação dura a Saragoça, ganhou por 2-1, graças a um golo de Kaká, bem perto do final do desafio.

Liga Inglesa – Chelsea mantém liderança com goleada

Os blues receberam o Stoke City e não deram quaisquer hipóteses ao seu adversário, goleando-o por sete bolas a zero. Três golos de Kalou, dois de Lampard, um de Malouda e outro de Sturridge foram a materialização de um jogo em que o Chelsea mostrou o porquê de liderar a Premier League. Com este resultado, a equipa londrina mantém o ponto de vantagem sobre o Manchester United, que, numa recepção difícil ao Tottenham, venceu por 3-1 com bis de Giggs e um golo de Nani.

Liga Alemã – Bayern empata e é apanhado pelo Schalke 04

O Bayern deslocou-se a Mochengladbach e encontrou um adversário muito duro e com vontade de travar os bávaros na sua luta pelo título. O Borussia esteve mesmo em vantagem graças a um golo de Reus (60′), mas, treze minutos depois, Klose, garantiu um empate importantíssimo para o Bayern. Graças a esta igualdade, a equipa de Van Gaal, mantém a liderança do campeonato, ainda que, neste momento, tenha os mesmos pontos que o Schalke 04, que, em Berlim, venceu o Hertha por 1-0. Assim sendo, teremos a Bundesliga ao rubro até ao fim.

Liga Francesa – Marselha caminha para o título

A quatro jornadas do final da Ligue 1, o Marselha está cada vez mais perto de conquistar o título. Desta feita, a equipa recebeu o St. Etienne e venceu por uma bola a zero, graças a um golo de Valbuena. Neste momento, a equipa de Lucho apenas tem um adversário nessa corrida pelo trono da Ligue 1. Venceu em Toulouse (3-0), está a cinco pontos e chama-se Auxerre.  

Read Full Post »