Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘Ruzomberok’

Had com a camisola eslovaca

No início da época 2007/08, o Sporting encontrava-se motivado em descobrir, finalmente, um defesa-esquerdo que fizesse esquecer Rui Jorge e, acima de tudo, o chileno Tello, que havia recusado a renovação com os leões para assinar pelo Besiktas da Turquia. Depois de muito procurarem, os verde e brancos optaram por um defesa-esquerdo eslovaco para lutar pela titularidade com o brasileiro Ronny: Marian Had. Dizia-se que era um jogador alto, ideal para ajudar os centrais, que defendia bem e era competente a atacar, mas, na verdade, apenas mostrou ser um jogador lento, duro de rins e, acima de tudo, sem qualquer qualidade para vestir a camisola do Sporting Clube de Portugal.

Marian Had iniciou a sua carreira aos 19 anos, na época 2001/02 ao serviço do Ruzomberok, onde permaneceu por três temporadas e onde teve o interessante registo de 56 jogos e um golo apontado.

As boas exibições ao serviço do clube eslovaco valeram-lhe, ao início da época 2004/05, uma transferência para o FC Brno da República Checa, onde permaneceu por duas temporadas. Nesse clube checo, teve dificuldade em assegurar a titularidade e, durante esses dois anos, apenas fez 24 partidas, ainda que, no final da segunda época, o Lokomotiv de Moscovo tenha ficado convencido da qualidade de Marian Had e, de forma surpreendente, contratou-o para a sua equipa.

Na Rússia, nunca se conseguiu impor, tendo sido emprestado ao Sporting em 2007/08 e ao Sparta de Praga na temporada seguinte. Tanto nos leões como na equipa checa, Had mostrou ter muito pouca qualidade futebolística, passando rapidamente da titularidade para o banco, do banco para a bancada e da bancada para o esquecimento total.

No final de 2009, o Lokomotiv, provavelmente já sem ninguém interessado em ter o pobre eslovaco por empréstimo, libertou-o definitivamente, com Marian Had a assinar pelo Slovan Bratislava.

No entanto, mesmo nesse clube eslovaco, Had, aos 27 anos, continua a não se conseguir impor, tendo feito apenas cinco jogos desde o início de 2010, estando, assim, muito longe dos seus tempos de glória que o levaram a ser internacional eslovaco por doze ocasiões.

Anúncios

Read Full Post »

Kucka a jogar pela Eslováquia

Actua no Sparta de Praga da Liga Checa, um dos médios polivalentes mais promissores do futebol europeu, o eslovaco Juraj Kucka.

Kucka iniciou a sua carreira profissional, em 2006/07, aos 19 anos, no modesto Podbrezová. Rapidamente deu nas vistas e, na época seguinte, assinou por um dos principais clubes eslovacos, o Ruzomberok, onde, em temporada e meia, fez 49 jogos e oito golos, cotando-se como uma das estrelas da equipa, devido ao seu enorme talento.

O eslovaco é um médio centro polivalente, que pode jogar em qualquer das posições centrais do meio campo. Alto e forte, excelente recuperador de bolas e tácticamente evoluído, é, por isso, usado mais vezes a trinco. Contudo, a sua fantástica visão de jogo e bom remate de meia distância, permite-lhe jogar em posições mais adiantadas do miolo.

Com 23 anos, internacional pela Eslováquia desde 2008 e a jogar no Sparta de Praga desde 2009 (27 jogos, seis golos), Kucka está em condições de dar o salto para um futebol mais competitivo.

Um talento a descobrir num jogo do Sparta ou da selecção eslovaca. Até lá, deixo um vídeo de Kucka na Liga Checa, para terem uma ideia do seu valor e, quiçá, imaginarem-no numa equipa portuguesa.

Read Full Post »